Interpretação artística do Big Bang, com representações do universo inicial e sua expansão.
 Credits: Scott Wiessinger (USRA): Lead Producer Aaron E. Lepsch (ADNET): Technical Support Krystofer Kim (USRA): Lead Animator

 

63 “No princípio criou Deus os céus e a terra.” Pode ter sido cem milhões, ou bilhões, ou o que quer que fosse. E como Ele o fez, isso cabe a Ele saber, veja, não a mim. 
63-1229M - Há um Homem Aqui que Pode Acender a Luz
Rev. William Marrion Branham


Série "A Criação Explicada por William Marrion Branham"

O mistério da criação do universo na visão do Profeta de Deus
Primeira parte: O Logos e o Big Bang

Deus Abençoe a todos. 
Nós iremos iniciar uma série de matérias trazendo a visão de William Marrion Branham sobre a Criação, explicando os capítulos iniciais de Gênesis, além de demonstrar que mesmo a ciência tentando explicar as coisas só Deus, através de seu Profeta, pode nos revelar seus mistérios. Vamos ver como entender o primeiro desses mistérios olhando o momento da criação de tudo.

Em sua vida cotidiana, vivendo como Cristãos, muitos já podem ter sido questionados se Deus é o Criador de todas as coisas sendo que a ciência possui suas “evidências” do famoso evento Big Bang ( bigue-bangue ou grande expansão é a teoria cosmológica dominante sobre o desenvolvimento inicial do universo)momento que segundo eles é a origem de tudo. Pela Graça Divina, o irmão Branham recebeu a revelação sobre os assuntos e nos explicou a verdade por trás disto. Vamos fazer uma recapitulação histórica.

Durante a história vários cientistas famosos tentaram apresentar uma lógica humana para a origem do universo, e teoria relacionadas com o cosmos. A teoria do "Big Bang" ou do "átomo primordial"(Átomo é uma unidade básica de matéria. Essa partícula se une a outras e se dissolve de acordo com forças mecânicas da natureza) foi criada em 1927, definindo que tudo no universo estava concentrado num único ponto que estava muito quente e explodiu, espalhando matéria por todo o universo. Essa teoria foi criada usando as ideias de vários cientistas, sendo um deles, como exemplo, Albert Einstein(Albert Einstein foi um físico teórico alemão que desenvolveu a teoria da relatividade geral, um dos pilares da física moderna ao lado da mecânica quântica). A ciência fala que o Big Bang foi há bilhões de anos atrás e os cientistas usam essas passagens, interpretando de forma descrentes e sugerem que Deus não poderia ter criado o Sol, a Terra e outros objetos do cosmo, em resumo o Universo, pois este teria bilhões de anos e segundo a Bíblia o Universo foi criado nos anos da criação, sendo assim que pela Bíblia, o Universo teria apenas milhares de anos. Notem a audácia, usar a própria Bíblia, a Palavra Deus, para contrariar Deus e que Ele não poderia ter criado as coisas, porque a Criação levou 7 Dias, como é descrito no Livro de Gênesis e no Livro de Segundo à Pedro é dito:

Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia.
2º Pedro 3:8


Na mensagem “A Crueldade do Pecado, e a Pena que Custou para Afastar o Pecado de Nossas Vidas” é explicando-nos os momentos antes da criação de tudo.


42 E um átomo se partiu e começou a se desprender, e o atômico explodiu, a primeira explosão atômica. E então aqueles átomos começaram a se acumular até formarem cinzas, enquanto a umidade, seja o que fosse, começou a se dissipar, e os átomos se partiram. E após algum tempo, veio uma estrela, ou um pedaço do...um projétil que voou e saiu flutuando pelo ar. Ele o observou por talvez alguns milhões de anos, e então o parou. Ele não tinha pressa. Ele tinha tempo suficiente, para sempre. Ele era do princípio ao fim. Não existia tempo com Ele. E então outro sai voando, e Ele o para deste lado”
53-0403 - Rev. William Marrion Branham

Notem, os cientistas tentaram refutar Deus como Criador, usando suas próprias Palavras, sendo esse o erro destes homens tolos, mas mesmo seus "grandes" representantes tiveram que admitir que chega um momento que precisa de Deus fosse criado.

“Este magnífico sistema do sol, planetas e cometas, poderia proceder somente do conselho e domínio de um Ser inteligente e poderoso. E, se as estrelas fixas são os centros de outros sistemas similares, estes, sendo formados pelo mesmo conselho sábio, devem estar todos sujeitos ao domínio de alguém; especialmente visto que a luz das estrelas fixas é da mesma natureza que a luz do sol e que a luz passa de cada sistema para todos os outros sistemas: e para que os sistemas das estrelas fixas não caiam, devido à sua gravidade, uns sobre os outros, Ele colocou esses sistemas a imensas distâncias entre si.”
Isaac Newton (Sir Isaac Newton  foi um matemático, físico, astrônomo, teólogo e autor inglês que é amplamente reconhecido como um dos cientistas mais influentes de todos os tempos e como uma figura-chave na Revolução Científica)


A teoria, podemos notar, foi criada no Século XX, sendo nítido um movimento de vários homens para provar uma origem natural do Universo, diminuindo nosso Senhor Jesus Cristo em um movimento para enaltecer o homem, em muitos usando a própria Bíblia para refutar o Senhor. Na Bíblia, há dois livros que nos relatam os tempos iniciais. Antes de irmos ao livro da Criação, devemos ir para o Novo Testamento, no livro do Apóstolo João.

No princípio, era o Verbo, e o Verbo estava com Deus. E o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele e sem ele nada do que foi feito se fez. Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens;
João 1:1-4


Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu.
João 1:10


Neste capítulo nós é apresentando que no princípio de tudo era apenas o Verbo (o Logos, a Palavra) que era Deus, e apenas quando o Senhor desejou manifestar seus atributos (Criador, Curador, Salvador etc.), através da Palavra Falada criou todas as coisas. E agora em Gênesis no primeiro capítulo vemos os momentos iniciais do Universo. 

“No princípio criou Deus o céu e a terra."
Gênesis 1:1


39 Agora desejo esboçar apenas um pequeno quadro para vocês, falando agora. Vamos todos nós fazer uma pequena viagem, esta noite, em uma pequena nave, e vamos… uma pequena espaçonave, ou aeronave. Vamos voltar a cem milhões de anos antes do mundo existir, antes mesmo de haver uma estrela ou qualquer coisa, e ali não se pode ver nada a não ser espaço. E todo aquele espaço era Deus. No princípio era Deus. 
40 E agora nós observaremos vir à existência uma pequena Luz branca. Nós a chamaremos, como, um Halo. E aquilo era o Filho de Deus, o Logos que saiu de Deus, no princípio.
41 E então como que Ele estava ali; e Ele, em Sua mente, Ele começou a pensar de como o mundo seria, e esboçou todo este quadro em Sua mente. E Ele disse: “Haja luz.”
53-0403 - A Crueldade do Pecado, e a Pena que Custou para Afastar o Pecado de Nossas Vidas


Nesta mensagem o irmão Branham explica que Deus auto-existia e a partir de Sua palavra as coisas começaram se formar, vejam essa parte “E então como que Ele estava ali; e Ele, em Sua mente, Ele começou a pensar de como o mundo seria, e esboçou todo este quadro em Sua mente. E Ele disse: “Haja luz.” E um átomo se partiu e começou a se desprender, e o atômico explodiu, a primeira explosão atômica.”, Quando Deus criou os céus e a terra, e partir do Halo e do momento “Haja Luz”, um átomo começou a se formar e este explodiu em uma grande explosão atômica. Sim, esse foi o Big Bang, gerado não pela força simples da natureza ou evento aleatório, mas por ordem divina. Nosso profeta explica que esse evento ocorreu em Gênesis 1 versículo 1 `a 3 e os 7 dias da criação só começo no versículo 4, ou seja, durante esses 3 primeiros versículos não é determinado como um dia de Deus e seu tempo é maior da dessa interpretação tola da ciência sugere.

48 Então Ele disse, após Ele ter feito tudo aquilo, antes mesmo Dele fazer qualquer coisa mais… 
49 Eu posso ver este pequeno Halo se mover—sobre este mundo, que era pura cinza, congelado, pairando ali como um grande iceberg. E Ele o moveu para mais próximo do sol. E Ele começou a virá-lo assim, ao redor do sol. Ele começou a derreter, e as grandes geleiras se desprenderam. O Texas estava sendo formado, e as planícies ali; como fomos ensinados como que os icebergs desceram dali, os melhores cronologistas podem calcular. E então todo o mundo, após isto percorrer até o Golfo do México, e assim por diante, começou a encher de água. “E o mundo, sem forma, e vazio,” agora estamos em Gênesis 1, veja. Agora, então, Deus se moveu e separou o firmamento da água. E Ele fez a luz.
53-0403 - A Crueldade do Pecado, e a Pena que Custou para Afastar o Pecado de Nossas Vidas
Rev. William Marrion Branham

Mas notem, o tempo de Deus é diferente do nosso e Ele tem seus motivos para tudo. Como ressaltou o nosso Profeta, que nos deu a resposta a esse argumento do tempo, não cabe a ninguém a não ser Deus saber das coisas. Agora sabemos que o evento chamado “Big Bang” foi Deus; e o que a ciência achou foi só a prova de que Ele estava manifestando seu atributo de Criador através de sua Palavra.

Deus é maravilhoso e só Ele pode revelar as coisas. Seguiremos com nossa série "A Criação por William Marrion Branham" na próxima matéria chamada: O motivo das Estrelas. 

Deus os abençoes e até a próxima matéria.